Buscar
  • Lucas Carvalho

Convivência Ética

Tornar o espaço educacional mais acolhedor e adequado ao desenvolvimento do aluno. Assim, desenvolvendo um trabalho de conscientização, durante as aulas de Convivência Ética, nossos alunos responderam às questões sobre problemas recorrentes na escola e nas aulas de Matemática, do 6º ao 9º ano, organizaram gráficos para interpretar melhor os dados obtidos. Segundo o aluno Pedro Pepe, a Matemática entra com a equivalência numérica, sendo possível, com os mesmos dados, utilizar porcentagem ou fração, demandando cálculos para expressar corretamente a proporção, facilitando uma interpretação rápida e objetiva.

5 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo